Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando Agora
Músicas recentes: Veja as músicas que já tocaram por aqui.

Restrições mais rígidas em Pernambuco se encerram em 13 de junho; expectativa é por novo anúncio nesta quinta (10) - Antena Mix 97,1MKz


No comando: O SOM DO FORRÓ

Das 5:00 às 7:00

No comando: ARQUIVO X

Das 6:00 às 8:00

No comando: SEQUÊNCIA PROGRAMADA

Das 7:00 às 8:00

No comando: FORRÓ DA MELHOR

Das 8:00 às 10:00

No comando: CONEXÃO TOTAL

Das 8:00 às 10:00

No comando: SINTONIA TOTAL

Das 8:00 às 10:00

No comando: ONLINE MUSICAL

Das 10:00 às 11:00

No comando: FESTIVAL SERTANEJO

Das 10:00 às 12:00

No comando: 120 MINUTOS

Das 10:00 às 12:00

No comando: GIRO MUSICAL

Das 11:00 às 12:00

No comando: 80 POR HORA

Das 12:00 às 13:00

No comando: SUPER HITS

Das 12:00 às 13:00

No comando: TOP 30

Das 12:00 às 14:00

No comando: ESPECIAL DO ARTISTA

Das 13:00 às 14:00

No comando: FREQUENCIA QUENTE

Das 13:00 às 14:00

No comando: DEIXA ROLAR

Das 14:00 às 16:00

No comando: ARENA POP

Das 14:00 às 16:00

No comando: POP MUSIC

Das 14:00 às 16:00

No comando: SALADA MUSICAL

Das 16:00 às 17:00

No comando: CONEXÃO JOVEM

Das 16:00 às 17:00

No comando: VITRINE MUSICAL

Das 16:00 às 18:00

No comando: GÁS TOTAL

Das 17:00 às 19:00

No comando: INTERLIGADOS

Das 17:00 às 19:00

No comando: DEIXA ROLAR

Das 18:00 às 21:00

No comando: RÁDIO REVISTA

Das 19:00 às 20:00

No comando: AMNÉSIA

Das 19:00 às 21:00

No comando: GÁS TOTAL

Das 20:00 às 22:00

No comando: SONGS OFF LOVE

Das 20:00 às 22:00

No comando: COMANDO T-BEAT

Das 21:00 às 22:00

No comando: CONEXÃO DANCE

Das 22:00 às 23:00

No comando: COMANDO T-BEAT

Das 22:00 às 23:00

No comando: INTENSIDADE

Das 22:00 às 23:00

No comando: CONEXÃO DANCE

Das 23:00 às 00:00

Restrições mais rígidas em Pernambuco se encerram em 13 de junho; expectativa é por novo anúncio nesta quinta (10)

Situação da pandemia no Estado segue crítica. Mesmo com as restrições – mais rígidas na região do Agreste – a taxa de ocupação de leitos hospitalares da rede pública continuam altas
No próximo domingo, 13 de junho, as medidas mais restritivas para o funcionamento das atividades econômicas e sociais de Pernambuco estão previstas para acabar. Assim como houve a prorrogação das restrições no início de junho, existe a possibilidade de haver um novo prolongamento, adoção de medidas mais rígidas em determinadas localidades e alguma eventual flexibilização. O Governo de Pernambuco deve realizar a tradicional coletiva sobre a situação da covid-19 no estado nesta quinta-feira (10), e a expectativa é pelo anúncio do como ficará o Plano de Convivência a partir da próxima segunda-feira (14).
Mas a situação no estado segue crítica. Mesmo com as restrições em todo o estado – mais rígidas na região do Agreste – a taxa de ocupação de leitos hospitalares da rede pública continuam altas. Segundo o boletim epidemiológico dessa terça-feira (8), 97% dos leitos de UTI estão ocupados, enquanto os leitos de enfermaria estão com taxa de ocupação de 82%. Na rede privada, 88% dos leitos de UTI e 64% dos leitos de enfermaria estão ocupados.

Com a última prorrogação, na semana passada, as medidas já implementadas no Estado seguiram vigentes. A novidade foi a inclusão de 35 municípios da 3ª macrorregião, que contempla as VI, X e XI Gerências Regionais de Saúde (Geres), com sedes em Arcoverde, Afogados da Ingazeira e Serra Talhada, no Sertão, que também passaram a enfrentar quarentena mais rígida nos finais de semana. Para esses municípios, valem as mesmas restrições para os RMR e municípios da Zona da Mata.

Nesta terça-feira (8), foram registrados 111 novos óbitos nas últimas 24h, o maior índice do ano de 2021 e 6º maior desde o início da pandemia, em março de 2020. Pernambuco agora totaliza 16.468 vidas perdidas para a doença.

Com relação aos casos confirmados, Pernambuco apresentou tendência de baixa na média móvel dos casos, após 11 dias de estabilidade. A média móvel de casos na terça-feira (8) foi de 2.443, o que representa uma redução de 17% em relação a duas semanas atrás. A média móvel de óbitos, por sua vez, está em tendência de alta há oito dias. Na terça (8) o índice foi de 75, um aumento de 33% do que o registrado há 14 dias.

A média móvel é considerada o melhor índice para mostrar um retrato mais fiel situação da pandemia em determinado território. O cálculo é feito a partir da média de novos casos registrados nos últimos sete dias (contando com o dia medido) comparada aos 14 dias anteriores. As variações acima de 15% para mais ou para menos indicam tendência de alta ou baixa, respectivamente.

 

Deixe seu comentário: